quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Ninguém/Alguém




As pessoas não entendem quando digo que não quero ninguém. Não é arrogância, nem revolta. Simplesmente é porque ninguém estava lá quando as lágrimas caíram, e muito menos ninguém secou meu rosto quando eu já estava cansado.

Ninguém veio quando eu comecei a sonhar com alguém,
Nem quando alguém me tratou como ninguém.

É por isso que ninguém mais vai entrar aqui,
Porque eu não preciso de ninguém,
Mas sim de alguém. Alguém de verdade.

Dodo.

8 comentários:

  1. Espero que você encontre este alguém. Afinal, não conseguimos viver sem alguém do nosso lado, seja
    a que título for.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também espero.
      Obrigado e outro grande abraço para você.

      Excluir
  2. Precisamos de alguém, mas nem sempre alguém aparece.
    Continua...

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Profundo e verdadeiro. Realmente as vezes quando precisamos de alguém esse alguém não aparece, quando sonhamos, esse alguém não aparece. Mas quando deixamos pra lá, um alguém aparece. Mas enquanto isso, vamos vivendo, sozinhos, para poder ser alguém para um futuro alguém.
    Parabéns pelo texto. Boa semana pra ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos vivendo, aos pouquinhos, sonhando, sozinhos.....

      Excluir
  4. Expressivos versos poeta. quem de nós um dia não sentiu essa sensação de abandono na hora mais precisa de nossas vidas? Mas , sonhar é preciso! Obrigada por seguir meu blog! Te seguindo tb! Abç!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que todo mundo já se sentiu assim, mas ultimamente para mim tem sido um pouco mais agravante.

      Um bom domingo para ti.

      Excluir